Visualização de dados pessoais

  • ddoneda - publicou em 14 de abril de 2011
Um dos dilemas mais típicos derivados do acúmulo de informações, característica intrínseca da Sociedade da Informação, é como interpretá-la de forma a torná-la útil. Uma das ferramentas mais poderosas para facilitar a abordagem destes grandes volumes de dados são as técnicas de visualização de dados, que consiste no recurso a métodos visuais para facilitar a cognição destes dados. A aplicação de técnicas de visualização de dados a grandes volumes de dados pessoais, que são cotidianamente recolhidos por dispositivos de vigilância ou mesmo por sistemas informatizados de diversas categorias que permitem a traceabilidade e retenção de dados operacionais, deu origem a experiências e alertas muito interessantes e que permitem, muito propriamente, uma associação visual clara das imensas possibilidades de coleta e tratamento de dados pessoais a que estamos sujeitos cotidianamente. Uma recente aplicação desta técnica foi realizada pelo político alemão Mark Spitz, que obteve judicialmente da sua operadora de telefonia celular (Deutsche Telekom) todos os dados que ela mantinha a seu respeito. Estes dados eram referentes a seis meses de seu contrato e foram fornecidos em uma planilha com 35.831 entradas. Tais entradas se referiam a todas as interações de seu celular com a operadora durante aquele período e, se individualmente, poderiam ser relativamente pouco relevantes, em seu conjunto eram capazes de revelar com detalhes hábitos, deslocamentos, interações e diversos outros aspectos da vida de Malte Spitz. Para melhor compreender o que tais dados representam, Spitz fez, em conjunto com o jornal alemão Die Zeit, um gráfico que permite seguir com detalhes e com facilidade seus deslocamentos e comunicações durante aquele período. O gráfico foi disponibilizado na Internet e é um grande exemplo das potencialidades da vosualização de dados. Há outros excelentes exemplos de técnicas de visualização de dados aplicadas a dados pessoais, como: - o do monitoramento de bicicletas alugadas em Londres; - a chamada realizada pela Privacy International para chamar atenção para o tema na forma de um vídeo; - a instalação audiovisual Surveillance Map of the World, realizada por Raul Mandru e Tim Gatzky a partir do ranking de vigilância global compilado também pela Privacy International.